25 de dezembro de 2010

papai noel

Filhinha, este ano vc perdeu o medo do papai noel e portanto fomos inúmeras vezes visitá-lo no shopping. Quando vc via o bom velhinho, logo se punha na fila pra falar com ele... E com a maior desinibição, ao chegar a sua vez, vc sentava no colo dele e começava a conversar. O assunto eu não conseguia ouvir, rs, mas ficava imaginando ao ver o papai noel te aconselhar a ser boazinha pra mamãe.

Este ano de 2010, eu tive um natal um pouco triste. Seria ano de vc passar com a mamãe, íamos pra praia com a vovó porém por conta de uma gripe forte que pegou a todos, cancelamos a viagem de última hora. Vc foi passar com seu pai e mamãe ficou sozinha em casa com muita febre e indisposição.

Mas sabendo que vc deveria estar feliz, fiquei contente também, ainda mais porque passaremos um lindo ano novo juntas.

Vc é minha cor, minha luz, meu sol e a realização de todos os meus sonhos, minha filha!

Feliz Natal!

17 de dezembro de 2010

diferença

“Faria alguma diferença se eu dissesse que ninguém poderia amar alguém tanto quanto eu amo você?”


nunca duvide...

“Duvide que as estrelas sejam fogo. Duvide que o sol se mova. Duvida que a verdade seja mentira. Mas nunca duvide do meu amor.”


13 de dezembro de 2010

pra viver eu só preciso de você...

pra ser feliz eu só preciso te merecer..
pra ser melhor tem que acontecer de novo em outra vida,
pra não chorar vou cuidar tanto deste amor!

e se eu chorar vai ser de saudade...

vc é a metade do meu coração, filha!




Será que eu te mereço?

3 de dezembro de 2010

minha vida

que saudade...

O tempo passou e vc não é mais aquele meu bebezinho de colo, filha...
Que saudade que tenho quando olho as fotos mais antigas e vejo o quanto vc cresceu... Sua aparência está muito diferente, vc está muito esperta e apesar da teimosia, está numa fase deliciosa... Tenho curtido cada momento, mas não deixo de sentir saudade daquele bebezinho que passava o dia com os punhos cerrados.