16 de agosto de 2011

Filhinha amada, ontem ao lhe colocar para dormir, dei-lhe um beijo na testa, disse-lhe que a amava e desejei-lhe boa noite, como faço todas as noites. Você, esperta como de costume, sempre sabendo o momento exato do meu humor para me pedir as coisas, logo me disse:
- Mamãe, posso faltar amanhã na aula???
Então eu que já estava de saída do seu quarto, me sentei em sua cama e lhe expliquei que não podia... Porque mamãe tinha que trabalhar, porque vc tinha que ir à escola para aprender.
Satisfeita com a resposta vc me deu um beijo e dormiu como um anjo.
Hoje, pensando neste seu pedido, me lembrei de todas as conversas que já tive com vc a respeito de seu dia a dia na escola, e percebi que vc não tem nada contra a sua escola,  que vc adora seus amiguinhos e professoras; apenas vc me pede isso para poder ficar mais tempo comigo, no aconchego do seu lar, que felizmente vc adora.
 Mas tudo tem sua hora e mamãe precisa trabalhar. E graças a Deus, mamãe ama ser professora.
Dá pra imaginar o tamanho desta responsabilidade?
O professor tem que se misturar à educação fornecida pelos pais e por toda a família de seu aluno, que possui uma história de gerações passadas, com características individuais e diversas.Esta responsabilidade não é esforço a mais para ele porque ele exerce sua profissão com entrega total, e os pesos se tornam diminutos diante da vocação.
Sabemos todos, principalmente os professores iniciantes, que se o trabalho em qualquer área se tornar um fardo, urgirá a revisão de nossa vida, para que diretrizes sejam repensadas. Por este motivo, hoje sou "somente" professora.
O professor, se não estiver encharcado da vontade de ensinar, de educar, de se doar, não conseguirá o respeito de seus alunos, de seus pares, muito menos de toda a sociedade.
Não se é professor por acaso! Um professor de verdade fica felicíssimo com a conquista de seus alunos.
Aí está a grande obra de um professor. Acolher seu aluno dentro de seu coração com total paixão, fazendo dele parte de sua própria existência. E o reconhecimento certamente vem! Talvez a maior homenagem que um professor possa receber esteja num fato corriqueiro que acontece no nosso dia a dia e que ilustra bem o significado desta profissão.
Quando queremos elogiar alguém de maneira superlativa, grandiosa, mesmo que esta pessoa não seja formada, como é que nós a chamamos: 'ei mestre', ou então, 'ei professor!'
É o maior elogio que se faz a alguém. E eu tenho a sorte de escutar este elogio todos os dias, de 23 anjos iluminados.
Alê, Emily, Felipe, Gu, Gabriel (que apesar de ter saído da escola, permanecerá pra sempre em meu coração), Jhonatan, Luis Fernando, Seiji, Mari, Taty, Amanda, Bia, Ana Julia- que hoje faz aniversário-, Fernanda, Tamiko, Guilherme, Gustavo, Lav, Luan, Luiz Matheus, Ma, Branca de Neve, Nat e Rodrigo; obrigada por fazerem parte da minha vida e por me ensinarem tanto a cada 50 minutos que passamos juntos. Amo vcs!
Por isso, filha, que todos os dias ao chegarmos na sua escolinha a mamãe fala pra vc obedecer a professora.
"O professor disserta sobre ponto difícil do programa.
Um aluno dorme,
Cansado das canseiras desta vida.
O professor vai sacudí-lo?
Vai repreendê-lo?
Não.
O professor baixa a voz,
Com medo de acordá-lo."
Carlos Drummond de Andrade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para você que veio nos visitar vai o nosso muito obrigada...