21 de agosto de 2009

Nas horas tristes, filho, não diga nada. Coloque um silêncio bem alto no aparelho de som. E comece a escrever bem baixinho.(Chorar até que pode, desde que não lhe embace a vista). Só não pare: tristeza é pra escrever. Tome posse dessa dor que é toda sua. Até que passe e venha outra mais bonita. (Cris Guerra)

Filha, vc é o que há de melhor em minha vida. Tenho tanto orgulho de vc, e um amor enorme que nem eu mesma sabia que seria capaz de sentir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Para você que veio nos visitar vai o nosso muito obrigada...