20 de fevereiro de 2009

saudade

Minha princesa, ontem estive relembrando os momentos em que eu te carragava na barriga... Era tudo tão magicamete novo que de tão novo as vezes parecia ser assustador. Tenho saudade daquela época filha, em que érmaos uma só. Não que agora seja pior; pelo contrário, é muito melhor ver seu rostinho todos os dias, escutar sua vozinha me chamando, vê-la dormindo como um anjo...
Estou vivendo intensamente cada momento, mas isso não significa que quando você estiver crescida, trocando a companhia da mamãe pela das amigas, eu não vá sentir saudade...
Ainda sentirei muita, filha... Estamos apenas no começo.

Um comentário:

  1. LIndas demais..

    dá saudade sim.. parece que tem um cordão umbilicar invisível que sempre nos conectará com a cria.. mas, depois que estão fora, a única maneira de não desfazer esse laço é a criação, o respeito e a educação que damos a eles..

    saudades!! beijos!

    ResponderExcluir

Para você que veio nos visitar vai o nosso muito obrigada...